05 Dezembro 2005

Rumo ao Japão


Entre 29 de Outubro e 8 de Novembro de 2005, rumo ao outro lado do mundo para conhecer certos aspectos do Japão. Numa viagem integrada nos programas de turismo cultural da magnífica Fundação de Serralves (e organizada pela GEOTUR), tratava-se, mais uma vez, de conhecer jardins. Jardins?!?! A essa pergunta-espanto de alguns, responda-se: os jardins são uma forma superior de manifestação cultural. Como se poderá ver pelo que se segue. Como por lá vimos, entre Tóquio, Nikko, Quioto e Kanazawa.
O que aqui deixamos são vestígios fragmentários: nem tudo o que lá vimos aqui está, nem tudo o que aqui está vimos lá (algumas coisas só compreendemos depois). Acrescentamos notas não eruditas que ficaram de algumas das nossas diligências para tentar compreender. E, claro, não fomos só aos jardins.
Atenção, na coluna do lado, às indicações sobre o modo de usar este bloco de notas. Divirtam-se!
Comentários podem ser enviados para o seguinte endereço electrónico: poemato[arroba]yahoo[ponto]com

Ainda está em linha o blogue de viagem do ano passado:
Na Terra do Grão Mogol.



Yamada Yorikijo, Tigre e Dragão (tinta sobre papel), c.1560